IMG_1778

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rio do Sul e Região (SINSPURS), realizou assembleia com os servidores municipais de Aurora nesta quarta-feira, 1º de junho.

IMG_1778

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rio do Sul e Região (SINSPURS), realizou assembleia com os servidores municipais de Aurora nesta quarta-feira, 1º de junho.

A assembleia decidiu entrar com Mandado de Segurança para rever o percentual do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) que não foi repassado integralmente aos servidores. A prefeitura repassou apenas 2,93%, quando deveria ter repassado 9,8307%, que é o acumulado de abril.

O assessor jurídico do Sindicato, advogado Rodrigo de Souza, já está procedendo com a ação, informou a presidente do SINSPURS, Marilene Back Espíndola.

Nesta sexta-feira 3, o SINSPURS vai se reunir com a Comissão da Educação de Aurora, que busca por meio de negociação o repasse do percentual do Piso Nacional do Magistério, que é de 11,36%. Até o momento a prefeitura repassou apenas o mesmo percentual dos outros funcionários, de 2,93%.

Diante das questões citadas e do fato dos salários estarem sendo pagos com atraso, desde o início deste ano, os servidores de Aurora não descartam a possibilidade de paralização ou greve. No entanto, Marilene informou que o SINSPURS vai realizar uma assembleia com servidores  para deliberar sobre o assunto.

“O SINSPURS deixa claro que está atuando em defesa dos servidores municipais de Aurora e que não vai medir esforços para resolver esses assuntos o quanto antes”, finalizou Marilene.
FOTO: SINSPURS

 

OUTRAS INFORMAÇÕES: (47) 3521-0280, com Marilene ou Ivone, no Sindicato.