SINSPURS se manifesta sobre projeto do executivo rio-sulense de comissão de 40%

Marilene Back Espindola presidente do SINSPURS

SINSPURS se manifesta sobre projeto do executivo rio-sulense de comissão de 40%

Há mais de cinco anos servidores estão sem aumento real

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Rio do Sul e Região (SINSPURS) dá boas-vindas aos servidores que estavam de férias e na ativa. A presidente do Sindicato, Marilene Back Espindola, disse que a diretoria se reuniu esta semana e “deseja a todos as servidoras e servidores, que 2017 seja mais um ano de muito empenho e serviços à comunidade!”

O SINSPURS vem acompanhando as ações dos novos governos em sua base de atuação. Em Rio do Sul Marilene pondera alguns assuntos que já preocupam a diretoria. Um exemplo foi a reforma administrativa proposta pelo prefeito José Eduardo Rothbarth Thomé e aprovada pelos vereadores em regime de urgência na semana passada. “Se a reforma visa diminuir gastos, por que não foi aprovada emenda apresentada por grupo de vereadores que ampliava a economia?”, questiona.

PLC 05/2017

De acordo com a presidente, o SINSPURS espera que os vereadores não aprovem o Projeto de Lei Complementar 05/2017, de autoria do executivo municipal, que acrescenta mais um parágrafo ao Plano de Carreira, instituído pela Lei Complementar 208, de 28 de setembro de 2010, Esse acréscimo prevê comissão de 40% a servidores efetivos oriundos de outras esferas governamentais, municípios ou de fundações e autarquias. A gratificação aos efetivos do município é de 20%.

Confira o teor do artigo que os vereadores vão apreciar, assinado pelo prefeito no dia 24 de janeiro e protocolada na Câmara de Vereadores no dia 7 de fevereiro.

“Art. 13. (…)

§ 4º. Quando o servidor ativo, proveniente da Administração Pública Direta ou Indireta, da União, Estados, Distrito Federal e Municípios, ou de autarquias e fundações, for nomeado para desempenhar suas atribuições em cargos de comissão, desde que opte pelo recebimento de sua remuneração anterior, de seu cargo de origem, cargo em provimento efetivo, terá direito ao recebimento de auxílio de 40% (quarenta por cento) a ser calculado sobre o valor do respectivo cargo em comissão”.

O Sindicato defende que o governo faça economia e crie condições para atender itens importantes da pauta reivindicações 2016, a exemplo do item 6, sobre o Administrativo I e II, Auxiliar de Enfermagem e de Serviços Gerais. Além disso, Marilene lembra que o funcionalismo municipal está há mais de cinco anos sem aumento real em seu vencimento.

Sindicato em defesa da categoria

Marilene destaca que o SINSPURS é uma entidade em prol dos servidores e que “qualquer coisa que ocorra, não importa o setor, que os servidores não tenham medo de procurar o Sindicato para defender seus direitos. Jamais aceitar assédio moral ou qualquer tipo de intimidação ou humilhação”, concluiu Marilene.

Protesto nacional dia 15 de março

O SINSPURS vai participar de importante reunião da Regional CUT Vale, no dia 17 de fevereiro, quando os sindicatos de servidores do Vale do Itajaí vão se reunir em Blumenau para deliberar sobre a mobilização nacional que vai ocorrer no dia 15 de março, em protesto a retirada de direitos dos trabalhadores com a Reforma da Previdência. Além desse tema, outras questões serão abordadas nesse dia, conforme as especificidades das categorias de trabalhadores que vão aderir à mobilização nacional.

FOTO: AURIO GISLON
Presidente do SINSPURS Marilene Back Espindola